Mãe, faça algo por você

Faça algo por você…. Há 3 anos me desperto pensando nas necessidades do Théo, durmo, como, tomo um café, arrumo a casa, as roupas, vivo e respiro pensando em toda a logística de segunda a segunda, na qual sempre fico em ultimo plano. Desde que meu filho nasceu passei a ser minha última prioridade.

Cheguei a um ponto de não ter mais assunto, não saber falar mais de outra coisa que não fosse filhos, não lembrar mais do que é viver a própria vida, não conseguir memorizar outra coisa que não fosse as tarefas do Théo e da casa, não conseguir ler uma matéria que não fosse sobre maternidade, e não me `misturar`com gente que não tem filho, achando que seríamos diferentes demais.

Comecei a me sentir realmente estranha, fora do ar, fora do mundo. Mesmo achando que meu único mundo fosse a maternidade. Achei errado. O mundo de qualquer mãe é a maternidade mas não pode ser o único. Talvez seja um mal do qual mães que não voltam ao trabalho passam. Elas não recuperam a individualidade tão facilmente. É preciso dar um basta muito grande, jogar tudo pro alto e gritar…eu preciso voltar.

Há 15 dias atrás voltei a fazer aulas de inglês, meu primeiro passo para espantar 3 anos de maresias, de fraldas e fazer o cérebro trabalhar em outra coisa. Tem mãe que se sente feia, flácida, gorda, peito caído, ou tudo isso ao mesmo tempo… eu me sentia burra.

cna

Ai que horror Mari!! NÃO ! Não é horrível. É lindo o despertar. É maravilhoso ser capaz de ver isso, pois muitas vezes estamos cegas. Não adianta nem aconselhar a amiga, ela sempre terá razão, até que chegue seu tempo e que ela consiga sozinha sair desse túnel.

Na minha sala, no Inglês só tem adolescente, pois escolhi o horário da tarde. Sabem como vê-los me faz bem? Me faz lembrar de um tempo sem responsabilidades, no qual reclamávamos de supérfluos e ríamos de qualquer coisa.

Me faz ver o quanto amarguei e como posso ainda voltar à ter a mesma vida fresca e leve de antes. Inspiração.

E que venham muitas lições porque eu adoro levar meu caderno, meu lápis, minha borracha e entregar as tarefas bem completas. Faça algo por você também. Senão, ninguém o fará.

cnaa

 Av. dos Bancários, 104 – Ponta da Praia, Santos – SP, 11030-300
Telefone: (13) 3261-4949

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *