Desfralde. Como a terapia ocupacional pode auxiliar ?

Como sabem estou no processo de desfralde do Théo, já que postei muita coisa na Fanpage e no Instagram. Para ter mais clareza nas minhas atitudes e atuar da melhor maneira possível, pedi à Nathália Serra nossa Colunista, para escrever um texto sob a ótica da tereapeuta ocupacional. As dicas foram ótimas e seguem aqui para você estar bem segura quando o momento chegar. Passo a passo do desfralde aqui. Lembramos que nossa Coluna de Terapia Ocupacional está on line toda primeira quinta-feira do mês.

desfralde

Para esse momento é necessário que a criança tenha maturação neurofisiológica, ou seja, o corpo da criança tem que estar preparado para essa transição. Nesta fase, a criança sinaliza quando se sente incomodada com a fralda suja ou quando ela apresenta algum “ritual” antes do xixi ou do cocô (algumas crianças vão para algum cômodo da casa, ficam em alguma posição especifica , fazem alguma expressão ou careta quando estão se preparando para as eliminações). Outro sinal importante nesta fase é quando a fralda permanece seca por um período maior, o que demostra que ela está eliminando maior quantidade de urina de uma vez. Esses sinais aparecem entre os 2-3 anos e demostram que a criança está preparada para a retirada da fralda, esse processo pode ser facilitado por alguns passos:

Passo 1- Devemos conhecer o ritmo fisiológico

Temos um “ritmo”, há pessoas que vão com mais frequência ou banheiro e outras com menos. O ideal seria observarmos a criança sem fralda (podemos aproveitar o verão para isso) e anotar o horário que a criança fez cada eliminação, seguindo o exemplo da tabelinha abaixo:

Data

Horário

Tipo de eliminação

Obs

00/00/0000

8:15

Xixi

9:30

Xixi

10:50

Coco

Fez careta e se escondeu atrás da cortina

11:40

Xixi

Após anotar o horário de um dia inteiro, perceberemos o ritmo e desta forma conseguiremos antecipar a ida ao banheiro. Como por exemplo, uma criança que tem intervalos entre as eliminações de aproximadamente 1 hora, iremos levar a criança ao banheiro a cada 40-50 mim mesmo que ela não demostre vontade. O intervalo entre as idas ao banheiro irá variar de criança para criança, de acordo com o que foi observado no dia anterior, o importante é manter a regularidade da ida ao banheiro para que a criança incorpore essa nova tarefa em sua rotina.

Passo 2- Roupas de fácil manejo e Rotina

O ideal é o uso de roupas de fácil manejo como calças ou bermudas de elástico, o que reduz o tempo da retida da roupa e favorece a maior participação da criança nesta etapa.

Para facilitar a aprendizagem, a ida ao banheiro deve seguir a mesma sequencia, por exemplo:

  1. retirada da roupa

  2. posicionamento da criança no vaso sanitário ou penico

  3. Eliminação do xixi ou coco

  4. limpeza com papel higiênico

  5. Recolocar a roupa

  6. lavar as mãos.

Passo 3- Conforto

Devemos tornar a ida ao banheiro a mais confortável possível, assim podemos utilizar redutores de assento para o vaso sanitário ou penicos. Para facilitar as eliminações, a criança deve estar bem posicionada, com os pés apoiados no chão ou em um apoio de pé.

desfralde

Passo 4- Escapou?

Explique calmamente, que o lugar do xixi ou do cocô é no banheiro e a leve até o banheiro. Nesse momento é fundamental que o adulto lhe ofereça conforto quando necessário. O ideal é que seja estabelecido uma data para a retirada da fralda e que isso seja seguido em todos os ambientes que a criança frequente, o que pode exigir paciência e compreensão de todos que convivem com ela. Sempre que a criança conseguir ir ao banheiro com sucesso, elogie.

Passo 5- E a Fralda da noite?

Se a fralda da noite for mantida, o ideal é que ela seja colocada depois que a criança adormecer e seja retirada antes do despertar. Pode ser confuso para a criança perceber que está de fralda e pode fazer xixi ou está sem a fralda deve ir ao banheiro.

Já para a retirada da fralda noturna observe se ao acordar ela esta sequinha. Caso contrario, devemos estipular um horário durante a noite para retirar a fralda, despertar a criança e a leva-la para o banheiro. Ao poucos podemos aumentar o intervalo da ida ao banheiro durante o período que ela estiver dormindo. Para evitar acidentes devemos forrar o colchão com capas impermeáveis ou com algum plástico embaixo do lençol.

 

desfralde

 

É uma fase que exige mudanças na rotina de todos que convivem com a criança. E sabemos que não é um processo fácil! Entretanto será necessário respeitar o tempo da criança para que esse processo seja concluído com sucesso! E será !!!

Nathalia

Você ainda pode gostar desse texto sobre o Desfralde. Clique aqui.

9 Comments on Desfralde. Como a terapia ocupacional pode auxiliar ?

  1. Mãe Sem Frescura
    02/18/2015 at 15:15 (4 anos ago)

    Olá, Mari.

    É uma fase bem complicado e já passei por isso há algum tempo. É preciso de muita paciência e dedicação, embora considero que o amadurecimento da criança é o fator principal.

    Bjs,

    Responder
  2. Patricia Charleaux
    02/18/2015 at 23:42 (4 anos ago)

    Ainda me lembro do desfralde do João, eu pensava em comprar livros, pinico sonoro, coisa e tal mas do nada ele chegou em casa e não quis mais usar fraldas, isso pq o amiguinho dele da escolinha não gostava de fraldas. Bjs

    Responder
  3. Adriana
    02/19/2015 at 10:55 (4 anos ago)

    Olá querida, ainda não tenho filho mas acredito que o desfralde é um momento de adaptação para a criança.
    Gostei da dica, esse momento é bem lento.

    Beijos
    http://www.beabadabeleza.com.br

    Responder
  4. Diário da Mãe e da Filha
    02/19/2015 at 16:02 (4 anos ago)

    Eu ainda não tinha pensado em tantos benefícios, Mari! Principalmente o da hora, para antecipar as idas ao banheiro.
    Beijos

    Responder
  5. Cris
    02/20/2015 at 12:16 (4 anos ago)

    Desfralde sempre rende assunto… eu acredito que o tempo da criança é essencial, para evitar tantas tentativas frustradas.
    Adorei as dicas e sempre vamos aprendendo mais um pouco do assunto, bjs

    Responder
  6. Viviane Petri
    02/21/2015 at 12:31 (4 anos ago)

    Aqui o desfralde foi complicado, várias escapadas, mas logo tudo se ajeitou,
    Começar em uma época de calor e no tempo da criança é essencial, e buscar o conforto na hora de ir no banheiro também.
    Adorei as dicas. Bjs
    Vivi e Isaac

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *