8 Dicas para Adaptação escolar

12544121_10153965560991349_730852818_o

Adaptação escolar. Chega essa época do ano, a tensão começa a dominar mente das mães cujos filhos vão à escola pela primeira vez. Entre erros, acertos e experiencias compartilhadas com outras mães, levantei 10 dicas para superar a fase da adaptação escolar com mais tranquilidade.

1- Faça a adaptação no período das férias

Estude a possibilidade financeira de introduzir seu filho na escola durante o período de férias escolares. No curso de férias tudo é mais tranquilo, o ambiente, o barulho, a espera no portão, o acesso às professoras, o ritmo em geral. A maioria das crianças começa a adaptação no primeiro dia de aula, seu filho pode até estar aceitando bem o distanciamento, mas ao ver os demais chorando e chamando a mãe, pode perder a segurança. Iniciando 2 semanas antes, por exemplo, seu filho já estará adaptado quando as aulas realmente começarem.

2- Transmita segurança

Nossos filhos são esponjinhas e estamos cansadas de ouvir isso, desse modo, lembre-se de que ele conseguirá sentir sua apreensão. Sim, é difícil, coração de mãe sofre, mas seja forte para que ele não fique inseguro. As crianças são mais fortes do que imaginamos. nessa situação acredito realmente que o polo fraco da relação é a mãe, que tem mais dificuldade de desapegar do que o próprio filho.

3- Ajude seu filho a ter mais independência antes

Sabe aquele grudinho que você tanto ama? Tente dar uma desgrudadinha. Eles não vão nos amar menos, mas vão se habituar melhor à distancia. Delegue algumas atividades, estimule seu filho a fazer algumas coisas sozinho, de acordo com as capacidades dele, claro. Se eles não praticam certas coisas (pequenas heim), nunca saberão que são capazes. Desde a alimentação, como comer uma banana sozinho com as mãos, ou levar a própria mochila, ou guardar os brinquedos.

4- Tenha a professora como uma aliada

É sempre bom ter uma opinião externa, alguém que não esteja mergulhada de coração no momento e possa ajudar com uma nova dica ou um conselho. Converse com ela, pergunte o que desejar para que todas suas dúvidas sejam resolvidas. Utilize também a agenda e comunique-se sempre.

5- Compreenda o choro do seu filho

O choro será quase inevitável, poucas mães tem a sorte de não passar por isso, e digo sorte porque deixar o filho chorando na escola é esgotador. Masssss, eles são bem espertinhos e sabem que essa é a maneira mais fácil de fisgar-nos. Na verdade da verdade é a única forma de expressão (quando não falam) e também a  mais apelativa (quando já falam e não conseguem o que querem). Vai doer o coração deixá-lo chorando, mas tenha certeza que:

  • ele vai parar de chorar logo mais, quando você for embora, ou
  • a professora vai tentar muitas opções para distraí-lo, ou
  • a escola entrará em contato se ele estiver chorando muito

6- Mantenha uma comunicação sincera com seu filho

 Explique com clareza o que vai acontecer dentro de alguns dias, o que ele vai fazer, quantos amigos vai conhecer, quanto tempo vai ficar e todas as coisas novas que vai aprender. Lembre-se que as palavras tem muito poder e a maneira com que você as profere também. Use um tom de `será divertido`e não o tom de `mamãe vai ficar com o coração na mão`. Quando for deixá-lo profira claramente a frase: Mamãe vai, mas mamãe volta para te pegar … ou algo similar, deixando claro que você voltará (eles não tem essa idéia de ato continuado, se apegam à saída e não compreendem que existirá um retorno).

7- Não existe escola perfeita

Toda mãe acaba querendo encontrar uma escola que seja uma extensão da sua própria casa. Ledo engano. A escola nada mais é do que um outro ambiente onde seu filho receberá cuidados e ensinamentos. Se você procurar a perfeição vai se aborrecer com qualquer coisa, aí surgem as implicâncias. Saiba equilibrar o que realmente não está adequado e entre em contato com a coordenadora, como por exemplo, um banheiro sujo, ou comida inadequada para criança, caso contrário tudo será motivo de reclamação.

8- Consciência tranquila

Não se culpe se tiver que colocar seu filho na escola muito cedo, ou antes do que seu sonho materno estabelecia. Nem tudo está ao nosso alcance. Se você já fez as contas e comprovou que não é possível abrir mão do trabalho, esteja segura de que está fazendo o melhor por ele. Não se culpe também se vai colocar seu filho na escola porque está sobrecarregada, mais vale uma mãe que possa dedicar tempo saudável e de qualidade ao seu filho do que uma mãe estressada que perde a cabeça por qualquer motivo. Esteja confiante de que esse novo passo vai abrir um novo caminho para seu pequeno bebe que cresce na velocidade da luz. Depois desse desafio, outros virão.

Boa Sorte !

7 Comments on 8 Dicas para Adaptação escolar

  1. Maria Santos
    01/13/2016 at 20:13 (4 anos ago)

    A minha menina começa esse ano na escolinha, já estou sofrendo rsrs ela é um grude não sei como vai ser rs

    Responder
    • Mari Visconti
      01/14/2016 at 12:20 (4 anos ago)

      Ai flor sei como é, mas tenta praticar algum dessas dicas, juro que pode ajudar mesmo. Boa sorte, conta depois pra gente como foi.

      Responder
  2. WandsonMichele Fisch
    01/14/2016 at 14:36 (4 anos ago)

    Ano que vem será minha vez e ja estou aflita mas vou seguir essasdicas p ver se consigo. #MamaeTensa

    Responder
  3. Geovana Pereira Santo
    01/15/2016 at 02:22 (4 anos ago)

    até chorei lendo as dicas,estou muito triste em ter que levar meu bb de 4 anos pra escola,espero que corra tudo bem.

    Responder
  4. Glaucia Kuba
    01/21/2016 at 11:21 (4 anos ago)

    Oi Geovana, decidi responder porque passo pelo mesmo. O Daniel meu filho fará 3 anos agora e comecei a adaptação. Na verdade fiquei com ele em casa esse tempo mas passei a perceber que agora seria mais divertido e proveitoso se ele estivesse na escola. Caso contrário fica apenas em casa na TV ou tablet. Veja que será bom tbm para o seu filho e passe isso para ele. O Dan está adorando a escola e não chora quando entra mas acho que isso é porque eu realmente entendo que é melhor pra ele e sempre digo com toda segurança a ele. Fique com Deus

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *